Etiqueta: vinho branco meio-doce

Entender o vinho branco meio-doce

Os vinhos brancos apresentam várias tipologias, dependendo do tipo de uva utilizada; o seu sabor e cor. Normalmente são classificados segundo a concentração de açúcar nos vinhos branco doce, meio-doce e seco. Vamos conhecer algumas das diferenças entre eles e aprofundar em relação ao vinho branco meio-doce.

Entender o vinho branco meio-doce - Uvinum

Como é o vinho branco meio-doce

A sua expansão e venda são significativamente crescentes, por essa razão é inevitável falar deste tipo de vinho, venerado por consumidores e especialistas no tema.
O vinho branco doce bebe-se, habitualmente, a muito baixa temperatura, já que é maioritariamente consumido no Verão e em épocas de maior calor. Para obter a classificação “doce” deve conter mais de 50g de açúcar por litro.

Quando ao vinho branco “seco”, possui menos de 5g de açúcar por litro de vinho, logo, é muito menos doce. Entre este tipo de vinho encontram-se o meio-doce, que possui entre 5 a 15g de açúcar por litro. Também se bebe frio, mas não tanto como o vinho doce, que deve conter aproximadamente de 30 a 50g de açúcar por litro.

Como é o vinho branco meio-doce - Uvinum

Elaboração do vinho branco meio-doce

Normalmente, é realizada uma maceração a baixas temperaturas para que o mosto fermente em frio e, mais tarde, a fermentação é interrompida com uma descida de temperatura para eliminar as leveduras e obter um vinho com açúcar residual. O resultado é um vinho sem muito açúcar, pouco doce, portanto, com várias notas de sabor e baixa acidez. A frescura e suavidade são algumas das suas principais características, o que o torna muito fácil de beber.

Como harmonizar

Como não se trata de um vinho doce, não pertence exclusivamente às sobremesas, podendo também ser combinado com entradas e pratos principais. O vinho branco meio-doce casa bem com todo o tipo de peixe, queijos secos, massas e saladas. O marisco também é uma boa escolha para acompanhar este branco.