Etiqueta: consumo vinho

O vinho tinto poderia ajudar a prevenir a disfunção eréctil

 TAGS:undefinedSegundo um recente estudo efectuado em conjunto pelo Reino Unido e pelos Estados Unidos, o vinho, as bagas silvestres e as uvas são “alimentos sexuais” que podem ajudar a prevenir a disfunção eréctil. Ou seja, mais uma razão para juntar à lista de benefícios do vinho na nossa saúde.

O estudo foi realizado pelas equipas da Universidade de Harvard e da Universidade de East Anglia e a revista American Journal Of Clinical Nutrition publicou as conclusões; os homens com idades médias que consumiram bagas silvestres, cítricos e vinho tinto tinham 10% menos probabilidade de padecer disfunção eréctil, graças à presença dos flavonoides nestes alimentos.

Estes pigmentos naturais ajudam a proteger o organismo das deteriorações causadas pelas substâncias oxidantes, como os raios ultra-violeta e a contaminação ambiental e ajudam também a prevenir algumas doenças. As bebidas como o vinho e o chá, assim como a fruta e a verdura, possuem uma elevada presença de flavonoides.

Para realizar este estudo foram analisados mais de 50.000 homens, assim como a sua capacidade de ter e manter uma ereção. De 4 em 4 anos registaram-se os seus hábitos dietéticos, o seu peso corporal, actividade física e quantidade de cafeína consumida, assim como em relação ao tabaco.

Um terço dos indivíduos analisados sofreu disfunção eréctil durante o estudo. Aqueles que mantinham uma alimentação rica em antocianinas, flavonas e flavanonas demonstraram ter menos propensão para sofrer esta disfunção. Por outro lado, os homens que mantinham uma actividade física activa, como caminhar cerca de 5h semanais, unida a uma alimentação rica em flavonoides, apresentaram uma taxa de disfunção eréctil mais baixa.

Sobre o resultado deste estudo o Professor da Universidade de East Anglia – Aedin Cassidy – comunicou: “ Examinámos 6 tipos de flavonoides principais de consumo habitual e descobrimos que 3 deles –antocianinas, flavanonas e flavonas – são benéficos” … “os homens que consomem regularmente alimentos ricos em flavonoides, têm 10% menos de propensão a sofrer disfunção eréctil”.

 TAGS:Mob 2012Mob 2012

Mob 2012: um vinho branco da D.O. Dao da colheita 2012 e 12.5º de álcool en volume.

 

 

 TAGS:Herdade do Rocim Touriga Nacional 2014Herdade do Rocim Touriga Nacional 2014

Herdade do Rocim Touriga Nacional 2014: um vinho tinto Alentejo está elaborado com touriga nacional de 2014 e de um grau alcoólico de 14º.

 

 

Geração Y, decisiva no incremento de vendas de vinho

 TAGS:undefinedA geração Y é um público jovem, com hábitos de consumo diferentes em relação a bebidas e quando comparada com gerações anteriores. Segundo as tendências de consumo, a Y prefere vinhos e licores à cerveja.

Os índices de consumo entre os 21 e os 26 anos de idade, em comparação com aqueles que se encontram entre os 27 e os 36 anos, demonstra que 28% da faixa etária mais jovem afirma beber vinho diariamente, contra 19% dos mais velhos desta geração. O fenómeno começa a influenciar a industria do vinho em vários aspectos, incluindo o packaging, que se adapta a este tipo de procura e mesmo o modo como se compra vinho.

Na Inglaterra, por exemplo, as vendas de vinho online aumentaram 3 vezes mais rápido do que as vendas tradicionais. O facto é que o último relatório trimestral de Vinho da Rabobank , demonstra que o comércio electrónico é quem incentiva praticamente todo o crescimento das vendas de vinho a retalho.

Mais vinho, menos cerveja

A geração Y prefere beber vinho e esta tendência, segundo um relatório recente de Morgan Stanley, começa a gerar uma certa preocupação em grandes empresas como a Anheuser-Busch, a MillerCoors e a Heineken.

“A tendência geral de consumo de cerveja continua a ser fraca e parece ser que os jovens, cada vez mais, recorrem a outras bebidas alcoólicas”, afirmam os analistas.
Entre aqueles que bebem cerveja, as preferências vão para a cerveja artesanal. Recentemente, o Wall Street Journal publicou um estudo que contabilizou 44% de consumidores de cerveja, entre 21 e 27 anos, que nunca provaram a marca Budweiser.

Para ter uma noção sobre o decréscimo do consumo de cerveja, comparando os valores da marca antes mencionada, em 1988 venderam-se 50 milhões de barris de cerveja, actualmente o valor é de 16 milhões de barris.

No entanto, as empresas produtoras de cerveja estão a trabalhar em novos produtos e estratégias com o objectivo de atrair os clientes mais jovens. A Anheuser-Busch, por exemplo, lançou o Bud Light Ritas, com sabor a Margarita e os Bud Light Mixxtails, versões novas de cocktails clássicos como o Furacão ou o Long Island Iced Tea.

 

 TAGS:Vila Flor Reserva 2011Vila Flor Reserva 2011

Vila Flor Reserva 2011

 

 

 TAGS:Pêra-Manca 2008Pêra-Manca 2008

Pêra-Manca 2008