O vinho ajuda a reduzir a mortalidade

O vinho ajuda a reduzir a mortalidade - Uvinum

As bondades do vinho são muitas: reduzem o colesterol e previnem o risco de sofrer doenças relativas ao coração. Um novo estudo indica também que pode reduzir a mortalidade. A investigação destaca que o vinho pode ajudar a reduzir a mortalidade no geral, sendo parte integrante de uma dieta anti-inflamatória.

Segundo um estudo efectuado pela Universidade de Ciências de Varsóvia (Polónia) e publicado no Journal of Internal Medicine, consumir alimentos e bebidas com propriedades anti-inflamatórias é realmente importante relativamente à redução do risco de morte.

Dieta anti-inflamatória

Os investigadores indicam que uma alimentação anti-inflamatória (verduras, frutas cereais, queijo, azeite virgem, nozes, chocolate, chá e café) é útil para a diminuição da mortalidade devida a qualquer causa. Assim, consumir uma quantidade de vinho moderada é benéfico para a saúde, especialmente a nível dos processos anti-inflamatórios. Também a dieta mediterrânica aconselha o consumo de muitos destes alimentos e especifica a ingestão de um copo de vinho tinto por dia.

alimentação anti-inflamatória vinho - Uvinum

Neste estudo, realizado na Suécia, foram analisadas quase 70.000 pessoas de ambos os sexos, entre 45 e 83 anos. Partindo do princípio de que o sistema imunológico desencadeia a inflamação quando o corpo enfrenta uma potencial ameaça, como um químico prejudicial ou um micróbio, este processo pode tornar-se problemático quando a inflamação se converte em estado predeterminado do corpo. Os investigadores detectaram, então, que aquelas pessoas com uma alimentação repleta de alimentos anti-inflamatórios tinham 18% menos de possibilidades de morte quando comparadas com aqueles que consumiram uma menor quantidade destes alimentos.

O estudo também concluiu que em relação aos fumadores, praticar uma alimentação anti-inflamatória aumentava as possibilidades de sobrevivência.

Outros benefícios do vinho

benefícios do vinho - Uvinum

  • Aumenta as endorfinas. Quando bebemos vinho libertamos endorfinas e temos sensação de relaxamento.
  • Antioxidantes. Os polifenóis das uvas proporcionam uma acção antioxidante, verdadeiramente importante, que desacelera o envelhecimento da pele; que se renova e aumenta a textura lisa.
  • Combate as infecções urinarias. Graças à sua quantidade de vitaminas e minerais e aos antioxidantes evita que as bactérias fiquem aderidas à bexiga ou aos rins, melhorando a função de filtragem e a depuração destes órgãos.

Deixe um comentário O vinho ajuda a reduzir a mortalidade