O melhor rum para um mojito

O mojito é uma das bebidas com mais sucesso e, sem dúvida, o mais famoso cocktail preparado com rum. No entanto, nem sequer os especialistas em cocktails entram em acordo em relação aos seus ingredientes: lima ou limão; açúcar branco ou amarelo; hortelã ou hortelã-pimenta; água com gás ou tónica…

E tudo isto sem contar com as novas variações do mojito: com morango, licor de café, chocolate, melancia… As combinações possíveis são quase infinitas, de modo que a pergunta é inevitável: como escolher o melhor rum para cada mojito?

Um rum para cada mojito

O primeiro ponto a ter em conta é a sensação que pretende com o seu mojito, prefere refrescante, mais doce, ácido, guloso, etc. Os ingredientes e os sabores marcam o tipo de mojito, e o rum deve funcionar como um fio condutor, já que é o ingrediente principal. Deixamos aqui as nossas sugestões de rum, de acordo com as preferências do seu cocktail:

  • Mojito amargo: É aquele em que predominam os aromas e os sabores dos ingredientes como a água tónica, a raspa de lima ou de limão, a angustura ou algo mais forte como a tequila. São os mojitos mais originais, porque não é a ideia clássica do mojito, mas esse toque amargo torna a combinação muito mais refrescante. Neste caso, se quer acentuar o sabor amargo, deve utilizar um rum branco, de aroma leve como o Bacardi. Tenha em conta que o rum é um dos destilados mais doces e, portanto, qualquer rum mais forte pode fazer com que se perca o sabor amargo.
  • Mojito guloso: O mojito no qual os sabores principais são doces, como o xarope ou os frutos vermelhos (do morango à romã), chocolate, maracujá, figos ou inclusive um pouco de cava doce. Estes são mojitos em que se usa um rum muito doce (pode chegar a ser excessivo), mas sim, é necessário um rum com muito corpo para não perder a consistência. Uma das melhores opções é o rum Barceló; profundo e repleto de sabores.
  • Mojito ácido: O mojito original é uma fantástica combinação do sabor amargo da água com gás (ou soda) e a acidez da lima ou limão. É fresco e saboroso. A soda pode ser substituída por água sem gás e pode adicionar ananás, toranja ou outras frutas tropicais de sabor ácido. Com este mojito entra bem um rum doce (que evita juntar açúcar), como um rum branco forte. O candidato ideal é o Bacardi Limão, especialmente pensado para este tipo de combinação.
  • Mojito com especiarias: Este tipo de mojito é muito apreciado em vários países, mesmo apesar da fama do rum das antigas colónias (actuais ou ex-colónias) inglesas ou francesas, como as Bermudas, a Martinica ou a Jamaica. Pode utilizar especiarias como: pimenta, zimbro, gengibre ou café, e em vez de hortelã, macerados com sumo de cítricos. Para estes casos, qualquer rum de Captain Morgan terá um excelente resultado e surpresa.

Rum branco ou rum dourado?

Talvez já o saiba, mas é sempre bom lembrar…Existem dois grandes tipos de rum: o rum dourado, envelhecido em barricas de carvalho, e o rum branco, filtrado por carvão.

O rum dourado, ao passar mais tempo em barrica torna-se mais suave ao paladar. Pelo contrário, a sua cor escurece à medida que envelhece em madeira. O rum branco possui um sabor mais forte, já que passa menos tempo em barril, havendo inclusive quem o comercialize logo após o processo de destilação.

História do mojito

Antes de chegar a tão diversa quantidade de mojitos, houve alguém que inventou a bebida…

O cocktail mais famoso do Verão foi criado no séc. XVI, época em que o corsário de origem uruguaia, Silvio Suárez Díaz, alentado pelo aborrecimento que pode provocar a solidão do alto mar, ofereceu à sua tripulação uma mistura que mais tarde seria baptizada como Draquecito pelo pirata Francis Draque. Esta bebida era feita com aguardente diluída num pouco de água, limão (para combater o escorbuto), ervas aromáticas como a hortelã e um pouco de açúcar para tornar o seu sabor mais suave e ajudar a digerir a mistura. Quando, um século mais tarde, se encontrou a fórmula da destilação do rum, este passou a substituir a aguardente, tendo como resultado o nosso maravilhoso e indispensável mojito.

Conselho extra

Estas são algumas das nossas sugestões, mas se aquilo que procura é o mojito tradicional, aqui ficam 2 runs para fazer mojitos de luxo! Tchim-tchim!

Deixe um comentário O melhor rum para um mojito